Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


A faculdade levou-me e trouxe-me como nova

por Adriana Messias, em 09.06.18

Desde dezembro que já não venho aqui escrever nada. Pensei em voltar a escrever milhões de vezes, mas fui deixando sempre para depois e acabei por só voltar agora. Porque é que me ausentei durante seis meses? Faculdade...

No segundo semestre do segundo ano senti que as coisas estavam a apertar, este ano a faculdade apertou de tal forma que me pôs a questionar mil e uma coisas.

Eu sabia que este ano era o demónio do curso, mas não tinha noção do nível. Deve ser diferente de pessoa para pessoa, mas a mim levou-me a refletir sobre de tudo um pouco, começando com a maior das minhas dúvidas, será que é isto que eu quero seguir? Eu sei que adoro animais e que tratar deles me faz muito feliz, mas a segunda opção é tão díspar que me ponho sempre a pensar se isto não serei eu com medo de me meter em aventuras que podem correr mal e por isso opto por uma vida normal com rotinas normais... 

Eu comecei a estudar música com 2 anos e aos 18 larguei tudo para me dedicar exclusivamente às ciências. Já não conseguia calar o meu lado artístico e isso originou a minha primeira grande pausa na escrita. Comecei a aprender a tocar ukulele e fiquei tão, mas tão feliz por estar de volta ao mundo que me criou que passava horas seguidas a tocar sem me cansar. Horas estas que não eram usadas nem para estudar nem para escrever deixando menos tempo para ambas as coisas. Menos tempo adicionado ao facto de tudo ter ficado muito mais difícil, complexo e muitíssimo teórico desmotivou-me imenso. Comecei a ter dificuldade em concentrar-me e estudar fosse o que fosse, o que não produziu boas notas e o que me deixou ainda mais triste e desmotivada, um loop.

A realidade é que eu tenho um prolema grave, não fui feita para me dedicar exclusivamente só a uma área, não consigo. A ideia de passar a minha vida a fazer apenas uma coisa parece-me irrealista e infeliz. E é isso que me deixa sempre tão inquieta. Eu quero fazer tudo de forma perfeita e ao mesmo tempo. Quero tirar o curso, escrever, estudar comportamento animal e cardiologia, estagiar, ler muuuuito e se me sobrar tempo ainda desenho uns vestidos e ganho o Óscar de melhor atriz em Hollywood.

Esta minha incapacidade de estar quieta tornou este ano num pesadelo porque (como é normal) não consegui de forma sucedida fazer todas as mil coisas que me passam pela cabeça. E por isso decidi voltar a escrever, agora de forma mais controlada. Um post por semana às sextas, mas também pode ser ao sábado ou ao domingo. Não ponho limites muito fechados se não o meu perfecionismo começa já a atirar-se contra as paredes de nervosismo porque não tenho nada planeado e se não posto o próximo post às 9:30 daqui a uma semana ele entra em paragem cardíaca.

Estou num processo de educação em gestão de tempo e criatividade, para ver se sobrevivo até ao final deste ano sem ter um emotional breack down. Estou a pensar delegar dias às coisas tipo às segundas posso ler o que me apetecer (claro que o meu ser inquieto lê mais que um livro ao mesmo tempo) durante um período mais alargado, às terças posso tocar ukulele durante um período alargado, e assim sucessivamente. Talvez resulte e me deixe mais sossegada e motivada para tudo. Sinto-me confiante. Let’s gooooo.

Agora vou estudar Anatomia que não posso mesmo chumbar a isto. Ainda por cima é o cerebro...nem comento...colegas médicos a passar pelo mesmo, boa sorte! ahah

See you next week!

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.06.2018 às 00:13

Perfil Facebook

De Natalia Batista a 10.06.2018 às 00:16

É mesmo assim. Os emojis anteriores são da madrinha:)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


O mundo, como eu o vejo.

Calendário

Junho 2018

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D